Produtividade industrial: 3 pontos para conseguir

A produtividade industrial é um dos pontos mais importantes para todas as indústrias e empresas que querem crescer, especialmente na economia atual.

Afinal, neste momento a nossa economia não segue muito bem, com queda no PIB e também na atividade industrial. Portanto, as empresas que conseguirem aumentar a sua produtividade conseguirão se destacar muito no mercado.

Mas como conseguir aumentar a produtividade industrial?

Nosso país é conhecido por ter uma produtividade muito abaixo da média mundial, o que explica o porquê da nossa economia sofrer um pouco quando comparada com a de outros países, especialmente aqueles da mesma faixa emergente, como a China, a Índia e a África do Sul.

Portanto, precisamos aprender como melhorar a nossa produtividade industrial.

Quer ver alguns pontos que podem ajudar nisso?

Então siga a leitura do artigo abaixo com atenção!

3 pontos para conseguir mais produtividade industrial

1. Automação

A automação está intimamente ligada a um aumento de produtividade industrial em todo o mundo, em todos os setores, tipos de produtos realizados e empresas.

Aliás, a automação já vem sendo usada há muitos anos em vários lugares do mundo, inclusive no Brasil, antes dessa nova onda de popularização da técnica.

O que a automação faz é pegar uma tarefa repetitiva e manual, feita por um humano, e transformá-la em uma tarefa automatizada feita por uma máquina específica.

Por exemplo, imagine uma empresa que faz caixas de papelão. Eventualmente, o material chega na linha de produção para um cortador que, com um molde, corta o papel no formato básico necessário para o produto ser vendido.

No entanto, com um sensor industrial, é possível detectar o momento certo de fazer a tarefa e colocar um cortador automatizado controlado por computador para fazer o movimento preciso de forma muito mais rápida e sem erros do que um profissional humano.

Por conta desse aumento de eficiência, a automação é uma das principais ferramentas para as indústrias que querem aumentar a produtividade.

No momento, não é possível automatizar todas as tarefas, mas essa é uma estratégia de curto, médio ou longo prazo para todas as fábricas que querem ser mais produtivas.

Para realizar uma boa automação, no entanto, é vital que a empresa tenha uma análise completa da sua linha produtiva e tenha um mapeamento de todas as oportunidades disponíveis para essa automação, além de contar com fornecedores capazes de realizar esse trabalho.

2. Melhor organização interna

Nem sempre apenas colocar novas máquinas dentro da sua linha de produção é o suficiente para melhorar a produtividade industrial da sua empresa.

Em muitos casos, basta ter uma melhor organização interna para melhorar o trabalho da equipe.

Por exemplo, muitas fábricas podem ter perdas de produtividade por causa de um processo com passos demais, desperdício em algumas etapas e outros elementos que causam recuos na produção.

Portanto, vale a pena analisar com bastante atenção a sua organização interna e ver quais são as oportunidades de aumento produtivo que se encontram no setor.

Em muitos casos, os próprios números já indicarão onde estão os gargalos de produtividade e o que pode ser feito para otimizar ao máximo o seu desempenho produtivo.

Além disso, muitas empresas contam com métodos únicos de produção, o que também aumenta a produtividade.

Um dos casos mais famosos é o da Toyota, a montadora japonesa que inventou o método TPS (Sistema Toyota de Produção) e a metodologia lean.

Portanto, vale a pena enxergar as possibilidades de alterar a sua organização interna para reduzir etapas produtivas e melhorar o ritmo de trabalho de todos.

3. Mais motivação da sua equipe

Por fim, vale a pena lembrar que a motivação da sua equipe de colaboradores também influencia diretamente na sua produtividade industrial.

Como já ficou provado em mais de um estudo sobre o tema, profissionais mais motivados são, também, mais produtivos.

Por isso, seu time pode estar perdendo pontos importantes de produtividade por causa de algum fator de desmotivação.

Na prática, isso significa que sua empresa precisa de um setor de Recursos Humanos que não seja apenas passivo, mas que seja ativo em buscar altos níveis de motivação interna dentro do seu negócio.

Isso inclui planejar viagens de incentivo, oferecer bônus, melhorar as condições de trabalho internas e muitas outras ações para melhorar a motivação da sua equipe.

Entenda que nem sempre a resposta está em “oferecer mais dinheiro” para os seus funcionários, embora isso seja sempre positivo. Em muitos casos, a motivação pode subir com mudanças simples na organização interna da empresa.

Pronto! Agora você já viu alguns pontos para conseguir mais produtividade industrial.

Dessa forma, você conseguirá que a sua fábrica ou indústria consiga produzir seus produtos a um preço menor do que os concorrentes, o que permitirá chegar ao mercado com um preço muito melhor e com uma margem de lucro mais interessante.

Gostou das dicas?

Então comente abaixo dizendo quais dessas ações a sua empresa foca atualmente!

Automação | economia brasileira | educação financeira | finança da empresa | motivação da sua equipe | organização interna | pib | produtividade industrial

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.